#TBT do Funk: relembre os hits da Lexa
- Por Redação

#TBT do Funk: relembre os hits da Lexa

Hoje o TBT do Funk é especial para comemorar o lançamento do documentário da Lexa que já está disponível no Globoplay. Como o especial mostra a história da artista, vamos relembrar algumas músicas dela desde o começo. Se liga:

Posso Ser

Lexa lançou seu primeiro videoclipe em 2014. “Posso Ser” é o primeiro single de um EP de mesmo nome, lançado em 2015. 

Para de Marra

Alguns meses depois, Lexa soltou o videoclipe de “Para de Marra”, última música do EP “Posso Ser”. A música veio na pegada de mulher empoderada e independente do jeito que a gente gosta.

Pior Que Sinto Falta

Também em 2015, Lexa lançou seu primeiro disco cheio, o “Disponível”. O maior sucesso do disco foi a balada “Pior Que Sinto Falta”, em que a cantora aparece tocando piano e cantando sobre um término de relacionamento. 

Fogo

É feat, mas tá valendo! No finalzinho de 2015, MC Guimê e Lexa lançaram a música “Fogo”. O casal está junto desde 2015 e esse é o primeiro trabalho deles juntos. 

Se Eu Mandar

Depois do disco, Lexa voltou com o single “Se Eu Mandar”, em 2016. O videoclipe da música tem mais de 44 milhões de visualizações.

Sapequinha

Em 2018, Lexa lançou “Sapequinha”, o hino que a ajudou a estar onde ela está hoje. A música viralizou com o vídeo da coreografia, que tem mais de 240 milhões de visualizações no YouTube, e é até hoje um dos maiores hits da cantora. 

De “Sapequinha” pra cá você lembra, né? Veio “Só Depois do Carnaval”, “Provocar”, “Chama Ela”, “Combatchy”, e muitos outros sucessos. Passado esse remember, não deixe de conferir o documentário lá no Globoplay.

Documentário mostra outro lado de Lexa: “sofri preconceito no início por ser mulher e do funk”

Ela é uma cantora com vários hits, apresentadora, esposa do MC Guimê, mas você conhece a pessoa Lexa? O documentário “Lexa: Mostra Esse Poder” chega para te apresentar as dores e as alegrias por trás da vida de uma das maiores artistas do Brasil. O especial já está disponível na GloboPlay e tem apenas cinco episódios.

Nos últimos anos, as redes sociais viraram um meio de deixar os artistas mais próximos dos fãs, e com o crescimento do debate sobre vida real e como as pessoas tendem a mostrar só a parte boa da vida nos stories do Instagram, muita gente, pública ou não, decidiu seguir um caminho mais autêntico e mais verdadeiro, revelando mais sobre suas vidas pessoais. Lexa foi uma das artistas que começou a mostrar cada vez mais o lado humano, a rotina fora dos palcos, as dores, as inseguranças, e claro, as vitórias.

Para saber mais, acesse a reportagem completa no Portal KondZilla.

Tags relacionadas:

Funk