São Paulo, a cidade do corre com a atleta Débora Taylor
Créditos: Arquivos pessoal
- Por Carolina Silvanno

São Paulo, a cidade do corre com a atleta Débora Taylor

Para muitos cidade cinza, para outros capital das notas e para Débora Taylor, corredora, é a cidade literalmente do corre, já que ela encontrou por meio do esporte uma das formas de conhecer e viver a terra da garoa.  Além disso, segue  inspirando os jovens de sua comunidade preta a praticar esportes pelas ruas de São Paulo através do PRCT RUM. Encosta aqui na KondZilla pois ela trocou uma ideia conosco sobre esporte, rua e muita São Paulo.

A cidade de São Paulo completou seus 468 anos, uma caminhada de muitos erros, mas também com acertos de muita gente de verdade construindo um lugar de fato melhor.  Totalmente conectada na metrópole, a atleta Débora Taylor,41, de Carapicuíba, é uma dessas pessoas que atua nessa construção histórica paulista, ressaltando a importância do esporte para narrativas pretas e periféricas. Ela criou o PRJCT RUN em 2017 junto de Ton Hamilton, com quem é casada, com a finalidade de levar a galera pra praticar e conhecer seu território.

‘’Eu comecei a correr me tirando de uma depressão. Como a corrida me salvou, eu decidi passar isso adiante. Principalmente para o povo preto da periferia e as mulheres pretas ao meu redor’’, relata Débora ao contar o motivo de ter se envolvido com o esporte e a corrida. 

O rolê acontece de forma simples: vai com roupa adequada, se encontra e bora correr por São Paulo. O foco do grupo de corrida é voltado para pessoas pretas e periféricas, por causa da exclusão nesse rolê que a co-fundadora percebeu, inclusive é o único bonde com liderança preta. “Pela falta de representatividade na frente de um projeto de esporte onde misturamos um pouco de tudo como: música, grafite e camiseta personalizada’’, relata a corredora.

Além de corrida, tem caixinha de música durante o trajeto, muito conteúdo audiovisual com fotos e vídeos, observação da cidade  por meio de sua arquitetura e exaltação do graffiti. E, ainda, de acordo com a esportista, muitas pessoas não conhecem a cidade onde vivem, daí com a corrida de rua elas passam a conhecer. É correr e viver a real cultura de rua com hip hop, graffiti e muito mais.

“Com a Crew corremos mais pelo centrão de São Paulo, mesmo! Gosto de correr pela região da Bela Vista, Liberdade e Praça Roosevelt porque nesses trajetos é muito fácil encontrar várias artes, monumentos históricos de São Paulo espalhadas por cada cantinho’’, conta Débora sobre seu gosto por correr no centrão. Ainda, reforça que esses lugares são bons pois quando invadem o centro da capital, realizam diversas paradas em pontos históricos com direito a pose para foto e conhecer um pouco mais do território, o qual quase sempre passa despercebido.

Crew é um termo usado no mundo todo para quem tem um grupo de pessoas acreditando e lutando por algo, seja: esporte, música, arte, dança, estudo. Aqui em São Paulo existem alguns esportes, além do da Débora, aliás podem até receber patrocínio. Esse grupo,  PRJCT, é reconhecido não só aqui no Brasil, mas também em Nova York e Londres e de quebra, hoje tem apoio da Nike Brasil.

Mid Strike Magazine. Revista de corredores de NYC, convidam  Débora Taylor a falar da sua vivência como atleta no Brasil.

Vale a pena ressaltar que também na Crew é um lugar de acolhimento, pois como a corredora já disse, conseguiu sair de uma depressão com o esporte. Portanto, a conversa também é importante para Crew.

“Eu converso com mulheres que levam a vida difícil, mas tento não focar nos problemas e sim em ajudar a passar por eles com mais leveza. Nada é fácil,  mas acredito que juntas uma levanta a outra! Um simples abraço ou uma simples pergunta; como você está ? Parece bobo, mas eu já vi e ouvi que eu salvei a vida, então o corre nunca vai parar!’’, encerra a braba.

Curtiu a trajetória, tem alguma história linda ou corre com São Paulo ou conhece alguém que tem? Manda para a gente! Não deixe de seguir a Débora no Instagram, @deborawstaylor ,  e seu projeto, @prjctrun_ , para acompanhar e fortalecer esse corre lindo e até mesmo correr com essa crew pela cidade.

Tags relacionadas:

Funk