Histórias que inspiram

50 anos do Mano Brown, um porta voz das favelas

22.04.2020 | Por: Gabriela Ferreira

50 anos atrás nasceu Pedro Paulo Soares Pereira, que no final dos anos 1980 ficaria conhecido como Mano Brown, um dos quatro integrantes do Racionais MCs, o principal grupo de rap do Brasil. Hoje comemoramos o aniversário de um dos maiores ídolos da favela, um porta voz das quebradas.

Nascido em São Paulo, criado diretamente do Capão Redondo, Mano Brown viveu na pele a dificuldade de se crescer na favela, com desigualdade social, o preconceito e o esquecimento da parte dos políticos e, até mesmo, das pessoas do outro lado da ponte.

É sobre suas vivências que Brown, ao lado de Ice blue, Edi Rock e KL Jay, relata nas canções do Racionais MCs. Ao falar sobre o que vivia lá atrás, o que ele via e sabia que acontecia com as pessoas que Brown se tornou a maior referência no quesito dar a voz pras pessoas que precisam.

Além de ter falado sobre o que ninguém falava, Brown e o Racionais ainda criaram uma conexão entre as pessoas da favela e as pessoas da elite, já que o Racionais é ouvido por todas as classes sociais.

Mano Brown, além do Racionais MCs, ainda faz história na carreira solo com o disco “Boogie Night”, de 2016, com um som semelhante aos bailes blacks dos anos 1980, mostrando um lado mais romântico.

Em 2019, o Racionais se reuniu novamente e fez uma turnê especial de 30 anos passando por algumas das principais capitais do Brasil. Os shows mostraram que, por mais óbvio que fosse, as letras da banda ainda falam sobre a atualidade. As pessoas continuam reverenciando e aprendendo com os quatro músicos.

Nesse dia especial em que Brown celebra seus 50 anos, desejamos muita força e agradecemos por tudo que ele fez, direta ou indiretamente, pelas pessoas ao redor do Brasil.

PUBLICIDADE Flowers

Veja também

PUBLICIDADE Flowers
ARTE E CULTURA MÚSICA MODA EDUCAÇÃO ESPORTE EVENTOS EMPREENDA ENTRETENIMENTO SAÚDE E BEM-ESTAR TECNOLOGIA