Educação

ResistEnem promove ajuda aos estudantes de escola pública que vão prestar o Enem 2020

25.08.2020 | Por: Gabriela Ferreira

O projeto ResistEnem surgiu da vontade de ajudar os alunos de escola pública a ingressar no ensino superior, principalmente, neste momento em que, por causa da pandemia, muitos estudantes não estão conseguindo estudar. Cola com o Portal KondZilla pra entender mais sobre.  

https://www.instagram.com/p/CB1VEXrJszJ/

A ideia de criar o ResistEnem veio com a pandemia. “O projeto surgiu em 14 de maio deste ano. Até então não sabíamos que o Enem seria adiado e estávamos putos com isso. A ideia inicial era ajudar os vestibulandos que foram prejudicados por conta da quarentena, em especial os alunos de escola pública que tiveram suas aulas suspensas”, explica o designer e jornalista Jairo Malta, um dos voluntários do projeto.

No começo, a proposta era fazer plantões de dúvidas via Whatsapp. “Escolhemos esse app por ser um dos apps mais acessíveis e populares e que demanda baixo custo de internet”, diz Jairo. Conforme mais voluntários foram surgindo – hoje são 120 -, o ResistEnem foi tomando mais corpo e hoje consegue contemplar todas as áreas de ensino do Enem, além de também oferecer suporte jurídico e psicopedagógico. 

Diretamente de Diamantino, Mato Grosso, Caio Morais, 18, está estudando pelo ResistEnem tem dois meses. “O projeto está me ajudando na minha rotina de forma sensacional, pois eu posso conversar com os docentes de várias áreas do conhecimento e sem contar que posso conhecer outros alunos de todas as localidades, o que favorece e muito”, comenta ele sobre a experiência.

https://www.instagram.com/p/CCrq4lBp4L_/

Saúde Mental

Um dos pontos levantados por milhares de estudantes e professores para pedir que o Enem 2020 fosse adiado foi a questão psicológica não favorável para os estudos, já que a pandemia trouxe muita preocupação pra geral: desemprego, medo de pegar a doença e afins. Isso sem falar na pressão de passar num vestibular, que já assombra os estudantes anualmente. 

Pensando nisso, o ResistEnem montou um suporte psicopedagógico pros alunos. “Entendemos que era importante esse apoio para estudantes e voluntários pra realizar um amparo, assim como orientações pedagógicas para a construção de material didático e informativo de qualidade. Temos uma escuta emergencial para os voluntários do projeto, com psicólogos disponíveis das 8 às 22h, todos os dias. No caso dos alunos, os psicólogos do projeto estão mapeando todos os lugares com atendimentos gratuitos e/ou de instituições de ensino nas cidades que estão alunos do projeto”, relata Jairo.

Se interessou pelo projeto e quer se voluntariar ou quer ser aluno? Segue o ResistEnem pelo Instagram e fica de olho. 

PUBLICIDADE Flowers

Veja também

PUBLICIDADE Flowers
ARTE E CULTURA MÚSICA MODA EDUCAÇÃO ESPORTE EVENTOS EMPREENDA ENTRETENIMENTO SAÚDE E BEM-ESTAR TECNOLOGIA