Esporte

Recorde no atletismo, medalha de ouro e três bronzes: um resumo da madrugada em Tóquio

03.08.2021 | Por: Redação

Histórico! O Brasil teve um de seus melhores desempenhos desde o começo nas Olimpíadas de Tóquio. Só nessas últimas horas, a dupla Martine Grael e Kahena Kunzel faturou a medalha de ouro na vela, Abner Teixeira conquistou bronze no boxe , Alison dos Santos ficou com o bronze após quebrar o recorde sul-americano no atletismo, e Thiago Braz ficou em terceiro na final do salto com vara. E vamos de resumão da madrugada no Portal KondZilla:

É ouro pra elas

Martine Grael e Kahena Kunzel conquistaram a medalha de ouro na classe 49erFX na vela durante essa madrugada. A dupla é bicampeã olímpica e era uma das favoritas a subir no pódio. 

Esse é o terceiro ouro do Brasil nas Olimpíadas de Tóquio. O primeiro veio no surfe, com Ítalo Ferreira, e o segundo com a Rebeca Andrade, na ginástica artística.

Recorde da América Latina

É dele e ninguém tira! Alison dos Santos, também conhecido como Piu, disputou a final dos 400m com barreiras. Alison faturou a medalha de bronze e ainda quebrou o recorde sul-americano após alcançar a marca de 46s72. É história sendo feita!

Bronze no boxe

Abner Teixeira já tinha medalha garantida desde o dia 30 de julho. O boxeador de Osasco terminou sua participação no boxe categoria pesada, de 81 a 91 kg, faturando a medalha de bronze. 

Essa é a quinta medalha do Brasil no boxe nas Olimpíadas. A primeira veio no México, em 1968, com o bronze de Servílio de Oliveira. As demais medalhas vieram nos jogos olímpicos de Londres, de 2012, quando Adriana Araújo e Yamaguchi Falcão faturaram o bronze, e Esquiva Falcão, que levou a medalha de prata. 

Bronze no salto com vara

Campeão mundial na Rio 2016, Thiago Braz faturou a medalha de bronze na final do salto com vara, com a marca de 5,87m. 

Olimpíadas de tirar o fôlego

Isaquias Queiroz e Jacky Godmann ficaram em quarto lugar na final do C2 1000 da canoagem. A dupla cubana Serguey Torres Madrigal e Fernando Jorge Enriquez conquistaram o ouro, os chineses Hao Liu e Pengfei Zheng ficaram em segundo, e Sebastian Brendel e Tim Hecker, da Alemanha, ficaram com o bronze. 

Semifinal olímpica

Após derrotar o Japão por 3 sets a 0 nas Olimpíadas, o time masculino de vôlei garantiu a vaga do Brasil na semifinal. O próximo adversário dos brasileiros vai ser o Comitê Olímpico da Rússia, nesta próxima quarta-feira, sem horário confirmado. 

Mais finais garantidas nas Olimpíadas

Com mais três brasileiros no pódio nas Olimpíadas, o país atingiu a marca de 13 medalhas, mas durante essa madrugada, mais dois atletas se classificaram para a final de dois esportes, o que já garante ao Brasil pelo menos a medalha de bronze. No boxe,  a campeã mundial Bia Ferreira vendeu Raykhona Kodirova, do Uzbequistão, e se classificou na final do boxe categoria peso leve.

O time masculino também garantiu vaga para o Brasil na final do futebol. Após vencer o México nos pênaltis, por 4 a 1, os brasileiros avançaram para a última fase, que acontece no próximo sábado. Com isso, o time masculino se garantiu como o maior medalhista na modalidade. 

Na decisão do arremesso de peso, o brasileiro Darlan Romani se garantiu após vencer sua bateria com a marca de 21m31. A final acontece nesta quarta-feira, às 23h05, horário de Brasília. 

PUBLICIDADE Flowers

Veja também

PUBLICIDADE Flowers
ARTE E CULTURA MÚSICA MODA EDUCAÇÃO ESPORTE EVENTOS EMPREENDA ENTRETENIMENTO SAÚDE E BEM-ESTAR TECNOLOGIA