5 funks que estouraram durante a pandemia para você pegar a visão parte 2
Créditos: Reprodução
- Por Wenderson França

5 funks que estouraram durante a pandemia para você pegar a visão parte 2

A pandemia causada pelo novo coronavírus (covid-19) pegou todo mundo desprevenido não é mesmo!? Os bailes pararam, mas os lançamento não, saiu muita música feita em ‘home estúdio’ e acredite, além dos hits que surgiram, teve também novos artistas conquistando notoriedade na cena do funk durante o isolamento social. Inclusive, já falamos de 5 funks que estouraram durante a pandemia e agora trouxemos mais uma versão com novas músicas e artistas. Ficou curioso? Então cola com o Portal KondZilla e pega a visão.

“Tudo no Sigilo” – Vytinho NG e MC Bianca 

Se reunirmos todas as versões, banner e videoclipe oficial “Tudo no Sigilo” ultrapassa a marca dos 110 milhões de visualizações no Youtube. O som foi o que colocou o nome dos artistas  Vytinho NG e MC Bianca nas pistas, entretanto, a música é mais uma das que andou na quarentena impossibilitando os donos do sucesso a fazerem bailes. Por um outro lado a composição agitou o baile em casa de muita gente. 

“Tudo Aconteceu” – MC Du Black e Delacruz 

Com 43 milhões de visualizações no Youtube “Tudo Aconteceu” é uma composição dos cariocas MC Du Black e Delacruz, ambos já conhecido pela cena musical e até mesmo pela massa funkeira. O som se popularizou em meio a pandemia e faz alusão a um romance daqueles que deixa qualquer um caidinho deixando “Tudo Acontecer”.

“Vai Luan”- MC Moana e DJ Luan

Saudades de um mandelão né? Então pega a visão, entre versões ousadia e light o som “Vai Luan” de MC Moana, com produção do DJ Luan, que fez muita gente embrazar durante a quarentena. O funk acumula mais de 36 milhões de visualizações no Youtube. A música também foi responsável por colocar o rosto de MC Moana e DJ Luan de vez na cena do funk. 

“Vitória Chegou” – MC Lipi 

Com 32 milhões de visualizações no Youtube o som “Vitória Chegou” relata um pouco da história de vida do MC Lipi. Entre venenos e conselhos, o artista mostra na música que a caminhada até o sucesso e a conquista por um espaço dentre destaque da cena do funk paulista não foi nada fácil. O som foi um dos mais pedidos nas redes sociais na primeira versão de 5 funks que estouraram durante a pandemia.

“E aí! como Cê Tá?” – MC Ryan Sp 

MC Ryan SP é mais um dos artistas que conseguiu emplacar e cresceu no funk paulista. Além, do som “E ai! Como Cê Tá?” que tem aproximadamente 12 milhões de visualizações no Youtube, o artista também faz parte do som político “Vergonha pra Mídia”, que mais barulho a quarentena. No caso de “E aí! COmo Cê Tá?”, Ryan SP relata as botas tomadas e os casos de amor falido antes da fama, o artista mostra ainda como tudo ficou depois do sucesso.

Tags relacionadas:

Funk