Grafiteiro homenageia ícones do funk em mural

Comportamento 11/12/2018

*Foto de Capa: Bruno Filho – Studio Rec //reprodução

Imagina que louco você passar em algum lugar da cidade e ter um mural só com funkeiros grafitados. Imaginou? Pois é, isso se tornou realidade graças ao grafiteiro Anderson Eduardo. E não se assuste que o cara não começou a pouco tempo no mundo das artes não, chega mais que o Portal KondZilla te conta mais sobre esse cara e seu trabalho envolvendo muros e grandes artistas.

Morador da zona sul de São Paulo, mais precisamente no bairro Praia Paulistinha, Anderson, 37, conheceu a pintura no ano de 1996, com apenas 16 anos e foi amor a primeira vista. “Eu já trampava com faixas e letreiros, um dia vi um cara grafitando e era aquilo que eu queria pra minha vida, comprei um compressor e fui pra cima”. O artista sempre trabalhou com diversos tipos de desenhos nas paredes, desde a publicidade até desenhar artistas em casas de shows, nessas ele foi se aventurando, até que nessa onda o cantor de pagode Mumuzinho viu seu rosto grafitado por Anderson e gerou uma grande repercussão na carreira do artista dos spray, Anderson já desenhou em muros artistas como: Bezerra da Silva, Thiaguinho, Péricles, Reinaldo, Dodô do grupo Pixote, Belo (2 duas vezes), Os Trapalhões, Arlindo Cruz e vários outros artistas que marcaram gerações. O tema da vez, foi o funk – movimento que também marcou muitas gerações.

View this post on Instagram

@mcbrankim no #muraldofunk ???????????????? Tmj mlkote … #andersongrafite #andersongrafitetattoo #mcbrankim #funk #gr6 #kondzilla #kondzillafilmes

A post shared by Anderson Grafite Tattoo (@andersongrafiteoficial) on

Em julho de 2016 ele grafitou as paredes para o clipe do MC Huguinho da música “Funk Pede Paz” que foi um trabalho de produção aqui da KondZilla. A música é uma homenagem a todos MCs que já partiram dessa para uma melhor. No clipe o MC vai caminhando por um galpão e a cada passo ele vai dando de cara com as caricaturas dos MCs grafitados nas paredes. “Eu já tinha feito pessoas que partiram, foi bem emocionante fazer esse trabalho do MC Huguinho”, explica o autor dos grafites .

A ideia do mural do funk surgiu pela proximidade que Anderson tem com algumas pessoas do funk, Kleber Kokão e o Youtuber Kelvyn Lopes são algumas dessas pessoas. Kleber trabalha na Play Produtora e fez o suporte para rolar a presença de alguns MCs até o mural, enquanto o youtube Kelvyn teve a mesma responsa, a dupla de amigos foram sugerindo os MCs que teriam disponibilidade para irem até o mural apreciar o trabalho de Anderson. E foi assim mesmo que você tá pensando, Anderson fez como um lance de troca, grafitou quem poderia fortalecer seu trabalho, desde stories do processo de pintura até ir ao local tirar foto e postar nas redes sociais. Os MC’s escolhidos para estar no mural são, MC Brankim, MC Menor MR, MC Rita, MC MM, MC Dede, MC WM, MC Nego JP, MC Leozinho SP, MCs Jhowzinho e Kadinho, Jhury Machado e Kelvin Lopes que mesmo não sendo MC tem um papel importante no funk paulista.

O mural está localizado na Av. Interlagos 5111, e como o Anderson já deu a letra: se for encostar tira aquele retrato e dá uma moral pro cara. Anderson não pensa em parar no momento de envolver sua arte com o funk não. Lembra no começo da matéria que eu comentei sobre os grafites dos MCs que já se foram no clipe do MC Huguinho?! Pois bem, Anderson vai trazer o projeto para essa estética de mural, sim meus caros leitores, teremos um mural com MCs que nos deixaram ao longo dos anos. “To pensando em fazer na frente do Mural do Funk mesmo, não é certeza ainda esse local, mas irei homenagear todos MCs que nos deixaram, Duda do Marapé, MC Primo, Catra, Daleste”.

E aí, curtiu o mural do funk?! O grafite também é arte, também vem da cultura de periferia assim como o funk, isso mostra o quanto as coisas estão conectadas e nem percebemos em alguns momentos.

Acompanhe o trabalho do Anderson pelas redes:
Instagram // Facebook

Comentários