Amor Pelo Futebol de Várzea


Dentro das favelas Brasil, o sonho de muitos jovens se divide entre ser jogador de futebol ou ser MC. Junto do sonho, vem a vontade de mudar de vida e trazer um futuro melhor para si e seus familiares. Porém, isso não quer dizer que a paixão pelo futebol de várzea tenha se perdido, pelo contrário, é no chão de terra da favela que a bola come solta com torcida organizada, gritos, bandeiras e muita emoção. O Portal KondZilla teve a oportunidade de cobrir a final da Copa da Paz em 2018 e conta a história de dois jogadores dos times que estavam disputando a final.

Marcos Piaçalle, o Marquinhos, é jogador do Pioneer. Durante a semana trabalha como vistoriador de carros e aos finais de semana se entrega ao futebol. Quem apoia essa paixão é a esposa, que divide as tarefas com ele para que ele consiga treinar.

Dawerson Mesquita, ou melhor, o Guinho, é personal trainer e joga no Renegados B. Além de ensinando seus alunos a garantir uma boa forma, ele também cuida da sua saúde nas academias e também no campo.

O futebol de várzea significa muito para eles, estar na final da Copa da Paz é mais que apenas a final de um campeonato. Assista ao vídeo 'Paixão pela várzea' para entender este sentimento.

Vídeo Matéria

O quê você
procura?