TBT do funk: seis funks conscientes das antigas que você não pode deixar de ter na sua playlist
Créditos: Reprodução
- Por Redação

TBT do funk: seis funks conscientes das antigas que você não pode deixar de ter na sua playlist

Hoje é dia de TBT do funk e dessa vez vamos relembrar os relíquias. O Portal KondZilla separou alguns hits do funk consciente das antigas que você precisa manter na playlist pra te manter motivado e pra tirar um aprendizado. Se liga:

MC Duda do Marapé – Cai Lagrimas

Vamos começar com uma pesadona. “Cai Lágrimas”, do MC Duda do Marapé, é um clássico do funk de relato. Duda é uma das revelações do funk da baixada das antigas e “Cai Lágrimas” é seu maior sucesso. A música fala sobre estar privado da liberdade e Duda escreveu enquanto estava preso. 

MC Felipe Boladão – A Viagem 

Em “A Viagem“, Boladão fala sobre a partida de seus amigos. Na época em que foi lançada, a música teve muita repercussão, e é um dos maiores hits do Boladão, mais um gigante da baixada santista. 

MC Zoi de Gato – Amor Só de Mãe

MC Zoi de Gato é mais uma relíquia que nos deixou muito cedo. O menor cantava proibidão, mas também mandava uns conscientes. “Amor Só de Mãe” é um exemplo disso. Em 2020, MC Brankim regravou o som e repassou os ganhos dela para a família de Zoi de Gato.

MC Careca e Pixote – Sofrimento 

A dupla MC Careca e Pixote também é relíquia da Baixada. Os dois cantavam sobre a realidade da vida nas quebradas.

Cidinho e Doca – Rap da Felicidade

Esse sucesso ultrapassa gerações. Em “Rap da Felicidade”, a dupla carioca Cidinho e Doca cantam sobre a violência das quebradas e pedem paz.


MC Daleste – O Gigante Acordou

O monstro MC Daleste canetou uma música sobre os protestos de junho de 2013, quando milhares de pessoas foram pras ruas lutar contra o aumento da passagem e por mais direitos pra todos.

MC Neguinho do Kaxeta – Bloco dos Relíquias (DVD 17 anos) 

Por último, mas não menos importante, vale dar aquela ouvida no bloco dos relíquias, uma parte do DVD de 17 anos de carreira do MC Neguinho do Kaxeta, que ele relembra vários hits desses anos de caminhada.

Tags relacionadas:

Funk Consciente