Set “Mandrakinhos”, do DJ Alle Mark, reuniu os novos nomes do funk abaixo de 15 anos
Créditos: Divulgação
- Por Wenderson França

Set “Mandrakinhos”, do DJ Alle Mark, reuniu os novos nomes do funk abaixo de 15 anos

Por diversas vezes mostramos como o funk consciente tem vivido nos adultos, mas também nas crianças. Para confirmar a sagacidade da molecada em querer passar a visão do certo e errado para os amigos da quebrada e aos mais velho, DJ Alle Mark lançou seu set “Mandrakinhos“, reunindo mais de 10 artistas mirins. Pega a receita no Portal KondZilla.

Gravado na zona leste de São Paulo, mais especificamente nas quebradas do Jardim Sinhá, o set DJ Alle Mark “Mandrakinhos” foi lançado na última quinta-feira (2) e ultrapassa a casas das 250 mil visualizações no Youtube. O set apresenta o futuro do funk levando a oportunidade da música para uma molecada que sonha em estourar e mudar a realidade de suas vidas.

“Para eu que sou mais velho ver essa rapaziadinha passando a visão de trabalho, estudo, sonhos, respeitar pai e mãe é muito importante para o nosso futuro”, disse DJ Alle Mark, produtor musical do set. “Sou um grande admirador do funk consciente e ao meu ver, ele é uma vertente mais elaborada, as letras são diferenciadas porque passa a realidade que cada um dos artistas vive independente da idade”, passou o papo reto referente a maneira que enxerga o movimento do consciente.

Alguns dos artistas tiveram suas histórias relatadas aqui no Portal KondZilla como é o caso de MC Bezerra, 10, e MC LP. MC’s Suh, Nay, Alvin, BHS, Pedro Ryan, Gustavinho da VP, KL 13 e Menor da VU também participam do projeto set “Mandrakinhos”.

Papo de visão nas letras

MC Nay

“Essa vida é traiçoeira faz você cair e se levantar
humildade nunca se esqueça
vem família em primeiro lugar”

MC KL 13

“Eu sou menor, eu sou sonhador
Almejo a melhora pra minha família
E os criticante que me criticou
Agora bate palma ta vendo o mundo gira”

MC Pedro Ryan

“Sei que sou menor e que sou inteligente
As minhas palavras faço jet na sua mente
É evidente que minha evolução te surpreende
Tá na bala potente afeta o subconsciente”

MC Menor da VU

“Eu sou do gueto da rua de terra
Sou mais um preto cria do mandela
Passei sufoco eu vim da miséria
Minha mansão vou erguer na favela
Os menorzinho aqui não ramela
Sou visionário é poucas ideias”

O funk consciente retornou com mais força do que nunca e atualmente vem conquistando o coração de talentos abaixo de 15 anos, além dos jovens que estão barulhando as ruas nos últimos meses e também nomes que resiste ao longo dos anos como é o caso de Neguinho do Kaxeta, MC Rodolfinho e MC Menor MR.

Não deixe de acompanhar o set DJ Alle Mark “Mandrakinhos” dando assim aquela moral para nova geração do funk. Fé em Deus e nas crianças, a favela vive e foguete não tem ré.

Leia também:
O funk consciente vive nas crianças, conheça os cria MC Bielzinho, MC LP e MC Bebê King
Aos 12 anos, MC Fefe passa a visão no funk consciente pra molecada e pros relíquias

Assista também

Tags relacionadas:

Funk Consciente

Matérias