/ Matérias

São Paulo volta para a fase vermelha e libera escolas e campeonato paulista

- Por Rayane Moura

São Paulo volta para a fase vermelha e libera escolas e campeonato paulista

Marcha na flexibilização! Nesta sexta-feira (09), o governo do estado de São Paulo anunciou que retorna na próxima segunda-feira (12) à fase vermelha da quarentena. O decreto permanecerá em vigor até o dia 18 de abril. Cola no portal KondZilla e pega a visão. 

Com a queda de internações por Covid-19, todas as 645 cidades do estado retornaram para a fase vermelha. Porém, algumas restrições serão mantidas, como o toque de recolher das 20h às 5h e veto a cerimônias religiosas coletivas.

A pergunta que não quer calar é: e os bailes, vão voltar? Ainda não! Cola no portal KondZilla e pega a visão do que irá mudar com a flexibilização. 

O que mudou: 

– Retirada de produtos diretamente nos locais de venda, como comércios, restaurantes e outros. Mas fica ligado, que o atendimento presencial e venda no local continuam proibidos em todos os estabelecimentos;

– As lojas de construção, podem voltar a contar com atendimento presenciais seguindo os protocolos sanitários e de segurança;

– Estão liberados os campeonatos esportivos profissionais, mas apenas após as 20h, com reforço na testagem e normas mais rigorosas de controle para atletas e integrantes de comissões técnicas e arbitragem;

– As escolas poderão receber alunos presencialmente desde que autorizadas pelas prefeituras; as aulas na rede estadual retoma dia 14 de abril;

O que permanece: 

– A proibição de cultos religiosos presenciais; 

– A recomendação de teletrabalho; 

– A recomendação do escalonamento de horários alternados para a entrada de funcionários dos setores de serviços, do comércio e da indústria; 

– O funcionamento de bares, restaurantes, academias e salões de beleza seguem vetados;

– O toque de recolher das 20h às 5h.

– O vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia defendeu as medidas restritivas. “Não estamos entendendo isso como relaxamento”, comentou sobre a mudança da fase emergencial para a vermelha.

As mortes por covid-19 no estado de São Paulo já passaram de 80 mil. O número de casos está próximo de 2,6 milhões, de acordo com a última atualização.

Já a ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) no estado, está em 88,3%. Apesar de ainda estar em um patamar alto, o número tem caído nos últimos dias.

“Possivelmente no final do mês, entre abril e maio, poderemos ter indicadores que nos permitam avançar para uma fase laranja”, afirmou Paulo Menezes, coordenador do Centro de Contingência do Coronavírus.

Cuidado com os rolês aleatórios! A fiscalização contra aglomerações e eventos clandestinos continua com ações intensificadas mesmo com o encerramento da fase emergencial.

O Governo do Estado vai manter a atuação em conjunto com as Prefeituras para instalação de barreiras sanitárias em acessos a cidades turísticas, blitz contra eventos ilegais e fiscalização de protocolos sanitários nas atividades liberadas.

Tags relacionadas:

Notícias