/ Matérias

Quer aparecer na KondZilla? Manda a sua história de superação pra gente

- Por Gabriela Ferreira

Quer aparecer na KondZilla? Manda a sua história de superação pra gente

Você sabia que a KondZilla tem uma campanha especial em que você pode participar? Nas sextas-feira, nós abrimos um espaço especial para quem quer aparecer por aqui no site. O projeto Conte Aqui Sua História é o lugar onde você pode contar sobre sua história de superação, sobre seus sonhos e sobre como você está fazendo o mundão girar para inspirar outras pessoas! Quer saber mais? Se liga:

Pra participar do projeto, é muito simples: basta você mandar a sua história pra gente no e-mail conteaquisuahistoria@kondzilla.com e não se esqueça de mandar suas fotos, telefone e link das redes sociais pra nós entrarmos em contato com você. 

Tá em dúvida do que mandar? Se liga em algumas visões que já passaram por aqui:


Fabricio Oliveira

O primeiro Conte Aqui Sua História foi com Fabrício Oliveira. Ele contou sobre como conseguiu superar as dificuldades em casa, não se envolver com o tráfico mesmo com a proximidade e se tornou aluno da USP: “Passei de um futuro traficante pra um aluno da USP. Por isso, quero que as pessoas entendam que o mundo não termina ali, quando as coisas estão ruins. A gente tem muita coisa pra viver e fazer!”. 

DJ DS

Representando os produtores, o DJ DS passou por aqui contando como ele passou de um ex-servente de pedreiro pra um DJ de baile com uma das vinhetas mais conhecidas: “Passando o tempo, chegou 2019, o ano que mudou minha vida por mais que eu já tivesse feito sucesso com algumas músicas, eu desenvolvi ansiedade e eu passava muito mal, fiquei muito desanimado, pensava em desistir de tudo, mas mesmo assim, continuei até que veio ‘Quanto Tempo Eu Perdi Com Esse Amor de Bosta‘ essa explodiu no Brasil todo e tocou até fora do país”.

Ives Nascimento

Se dividindo entre o corre no funk e o trampo com vítimas da Covid-19, Ives Nascimento contou como é a rotina no Hospital e na música: “Se você quer trampar com funk, tenha certeza que é isso o que você quer e estuda muito o funk e que o povo tá escutando. Não espera cair do céu, tem que ir atrás, porque nada acontece por acaso. Se você tiver que estudar, vai estudar, se tiver que ir trabalhar pra comprar instrumento, vai porque, como diz o Emicida, o sentido da vida é pra frente!”

Gabriel Rusty 

Conhecido como Mototáxi do Amor, Gabriel Rusty contou pra gente sobre como começou na profissão, sobre o acidente e a viralização de seus vídeos: “Quando fui operar, os médicos e a fisioterapeuta me falaram que não tinha jeito, que eu ia ficar dois anos sem conseguir andar de moto e era o que mais gostava de fazer, além de ser meu trabalho.

Então eu quebrei o braço, mas me arrancaram as pernas praticamente, depois eu conversei comigo e com Deus, claro, e botei na minha mente que – eu quero, eu posso, eu consigo!”

E aí, deu pra se inspirar? Então manda a sua história pra gente no e-mail conteaquisuahistoria@kondzilla.com e espalha praquele seu amigo ou amiga que também pode inspirar mais gente!

Tags relacionadas:

Conte aqui sua historia

Comportamento