Pelé MilFlows quer viver um grande amor em seu novo EP

Autor: Wenderson França

Fotos por: Reprodução // Redes Sociais

Entrevista | 07/06/2019 14:25:02

Anexo faltante

Não dá pra viver só de funk, certo? Por isso, hoje trouxemos a história do Pelé MilFlows, o cara tem 20 anos e aproximadamente cinco de carreira. Ele é mais um dos que se descobriu na música dentro das batalha de rap, mais especificamente na do Tank (RJ). Além de ser um dos integrantes da 1Kilo, selo independente de rap, o artista é ainda dono dos hits “Relação”, “Não Sei Mais” e “Vem Cá”, que todos juntos somam mais de 100 milhões de visualizações no YouTube. Ele trocou uma ideia com o Portal KondZilla contando sobre o seu novo EP focado em love songs.

Afinal, você sabia que o nome real de Pelé MilFlows é Maurício Lourenço? O nome artístico vem em homenagem ao Pelé: codinome reverenciando o ícone do futebol brasileiro, que dispensa apresentações. MilFlow: mescla dos estilos de músicas e a entonação que o garoto consegue colocar em seus sons.

Nascido no Rio de Janeiro e criado em São Gonçalo, assim como qualquer outro artista de favela, MilFlows explica que a princípio sua família apoiou seus sonhos, mas não acreditava muito que as coisas poderiam decolar de tal forma como é hoje. “Meu primeiro violão foi meu avô que me deu. Esse foi o maior incentivo para eu estar fazendo música hoje em dia. Mas, eu acho que a minha família não tinham muita fé no que eu poderia me tornar, depois de um tempo ele entenderam que a música seria a minha profissão”.

Dividindo o tempo entre o skate, o trabalho no McDonald’s e a música, naquela época o rapaz descobriu o que queria da vida. Mexer com arte e música. “Eu era quase profissional do skate, recebia uma grana disso e trabalhava no McDonald’s também. Era muita correria, não sabia direito se queria cantar, trampar ou andar de skate. Eu fazia um pouco de tudo pra me sentir bem” explica o cantor. “Depois, comecei a ganhar as batalhas de rima e percebi que não queria trabalhar em nenhum lugar a onde alguém estivesse mandando em mim”.

                     Foto: Luca Beck

Determinado em seguir a carreira na música e percebendo seu diferencial nas batalhas, Pelé contou como surgiu sua versatilidade de flow na música e como essa levada, que inclusive originou parte do seu nome artístico, mudou sua vida. “Venho da igreja evangélica, fiz parte do coral, minha família sempre fez um samba, tenho alguns primos no funk também. Sempre cantei de tudo, na minha vida toda ouvi um pouquinho de cada coisa, então foi por isso que comecei a rimar nas batalhas e todo mundo começou a me chamar de MilFlows.”

MilFlows, conquistou visibilidade principalmente nas batalha de rima e se destacou musicalmente falando a partir do momento que recebeu o convite para integrar a equipe do 1Kilo. Dentro do grupo, o artista não quis mais só rimar, queria agora também trabalhar na composição das músicas e poder se tornar um artista além do que já era dentro das batalhas. Consolidado no grupo fundado por Pablo Martins, DJ Grego, Rasta e DoisP, MilFlows passou a soltar música atrás de música, até que conseguiu o seu primeiro milhão de views em “De Freestyle” com Knust. Ele ainda soltou alguns acústico como: “Tenta Vir” com Pablo Martins e DoisP, “Radin” com CT, Pablo Martins, Knust e Morgado. Até chegar em suas músicas solos como “Relação“, “Porque Não” e “Vem Cá“.

Mas, para ter esse sucesso na música, precisa de fã e Pelé mandou um salve para eles. “Os meus fãs significam tudo para mim, os mais de 150 milhões de views é tudo por causa deles. Devo todos os acontecimentos da minha carreira a eles, só tenho agradeço os meus ouvintes”.


Foto: Gabriela Kusper Couto

Lançamento do álbum voltado a love song

Após 5 anos de carreira, algumas faixas de sucesso solo, colaboração com grandes nomes da cena do rap e dos feitos com o selo 1 Kilo, chegou o momento de MilFlows lançar seu primeiro trabalho solo, um EP com 8 faixas. “Já estamos mixando, vão ter oito faixas. Esse é o meu primeiro trabalho grande solo, então estamos muito animados para ultrapassar mais uma barreira. A nossa meta é ir além dos milhões já conquistados”. O cara ainda adiantou que o EP é totalmente voltado ao love song e será lançado na semana do dia dos namorados, próximo ao dia 12 de junho. “O EP está MilFlows, tem trap e bastante acústico. Todos as faixas estão falando sobre uma garota, é a história de um amor aonde eu quero muito viver e nunca chega. As pessoas vão gostar”.

Acompanhe Pelé MilFlows nas redes sociais: Instagram // Facebook

ASSINE A NEWSLETTER

NÃO PERCA NENHUMA NOVIDADE DO NOVO PORTAL KONDZILLA!

O quê você
procura?