Baile da DJ $ophia: Confira a cobertura completa do que aconteceu no role
- Por Janaine Fernandes

Baile da DJ $ophia: Confira a cobertura completa do que aconteceu no role

O Baile da DJ $ophia rolou na última sexta-feira (15) e trouxe nomes importantes para se apresentar no evento

Baile da DJ $ophia: Confira a cobertura completa do que aconteceu no role
Baile da DJ $ophia (Foto: Salomão Santos)

E mais uma vez o Baile da DJ $ophia deu o que falar.

Pra quem estava esperando por um baile com o melhor do Rap Nacional, DJ $ophia deu o nome e conseguiu entregar um evento marcante, principalmente para o público feminino.

O role aconteceu no feriado do dia 15 de abril, e nem mesmo o frio — pois marcava 12º naquela noite — foi capaz de tirar a empolgação da galera presente.

Com duas pistas simultâneas, não tinha quem ficasse parado no evento. Seja no passinho ou na rebolada, a galera se jogou na pista e dançou até o amanhecer.

O set da DJ Vivian Marques por exemplo, fez a galera embrazar ao som de vários hits do Rap Nacional e internacional. A DJ ainda compartilhou com a gente um pouco dessa responsabilidade de ser uma influência feminina na discotecagem.

“É uma grande responsabilidade poder compartilhar isso com geral e poder influenciar outras mulheres, encorajá-las a encarar os tocas discos o público. Eu acho que a gente já quebrou muitas barreiras e daqui pra frente é só sucesso. No começo eu achei que não era possível por conta do custo dos equipamentos, e no fim deu certo sabe? Acho que a gente vai galgando os caminhos e as coisas vão acontecendo”.

DJ Vivian Marques no Baile da DJ $ophia (Video: Janaine Fernandes)

Das minas pras minas

Na sua segunda edição, o evento contou com a participação de grandes referências femininas do Rap.

A rapper e compositora Julia Costa foi a primeira a se apresentar no evento e junto com o público cantou os seus maiores sucessos.

“Mina Chavosa”, “O tipo de Garota” e “Outra Mulher” foram algumas das músicas incluídas no repertório da artista.

Além disso, teve a performance do “Set AJC”, que trouxe participações especiais de Alt Niss, MC Luanna e Nanda Tsunami.

“Eu e a DJ Sophia a gente tem uma relação de parceria. Eu sempre to apoiando como eu posso, e ela me apoia, toca minhas músicas na pista, e aí aconteceu dela me chamar para se apresentar no baile e eu fiquei muito feliz”, disse a cantora.

Baile da DJ $ophia: Confira a cobertura completa do que aconteceu no role
Julia Costa no Baile da DJ $ophia (Foto: Victoria Madeira)

Outra artista que agitou o público no evento foi Cristal, rapper gaúcha que começou na cena do Slam e conquistou seu espaço no Rap.

Com mais de 360 mil visualizações na música “Ashley Banks”, a artista já gravou até com Djonga e em 2021 lançou seu primeiro EP, Quartzo.

O Baile da DJ $ophia foi o primeiro show da cantora em São Paulo e teve até mina vindo de outro estado para assistir sua apresentação.

“Eu vim do Rio Grande do Sul pra ver esse baile, vim ver a Cristal, conterrânea, porque a gente tem que valorizar quem é da nossa terrinha, e é isso. Eu to muito animada, eu to muito feliz! Primeira festa em São Paulo, primeira vez em SP, e é sobre isso, tomara que seja bom o rolê”, comentou Nicole.

Sobre o seu primeiro show em SP, Cristal comentou que ficou muito feliz pela recepção do público, pois ela tinha contato com seus fãs de outros estados mas não tinha dimensão de como seria recebida.

“Foi muito massa a galera cantando as músicas, com uma energia foda, com um sorrisão no rosto. Tinha uma mina lá na frente cantando todas, foi surreal”, disse a artista.

Durante a sua apresentação, a cantora inovou em trazer uma violinista para se apresentar junto a ela.

Izandra Machado, emocionou a todos durante a sua participação e comentou sobre a relação do violino — instrumento muito utilizado na música erudita — com o movimento Hip Hop.

“É usar a nossa ancestralidade, porque a música clássica sempre foi feita por pretos. É juntar vários ritmos, é você conectar e trazer para um mundo o que você quer, onde você quer buscar”, comentou Iza.

Cristal e Izandra Machado no Baile da DJ $ophia (Video: Janaine Fernandes)

O evento foi cercado de atrações e contou até com performance especial de Jazline e Isiz, multiartistas que pela segunda vez dominaram o espaço e mostraram todo seu talento.

Pra fechar a noite, Bivolt se apresentou com a casa cheia e decidiu relembrar seus antigos sucessos, o que fez o público cantar cada verso de suas letras.

A cantora até se emocionou e fez dedicatória de uma música para a organizadora do evento, DJ $ophia.

Bivolt comentou que ela e Sophia já se conhecem há muito tempo e que praticamente viu a DJ crescer.

“E eu fiquei muito feliz quando ela iniciou o projeto desse baile porque ela é uma pessoa que sempre dá voz para as mulheres, para as mulheres periféricas, para as pessoas periféricas e da periferia no geral. Esse projeto tá muito legal, desde o começo foi um sucesso e é de fato e surgiu muito natural. Ela: eu quero você. E eu: Óbvio, sou sua Sophia, tamo juntas”, disse Bivolt.

Baile da DJ $ophia: Confira a cobertura completa do que aconteceu no role
Bivolt no Baile da DJ $ophia (Foto: Victoria Madeira)

Além disso, é válido ressaltar todo o cuidado com o processo de inclusão de pessoas com deficiência auditiva no baile, pois durante quase todas as apresentações no Baile da DJ $ophia, Nzambi Apongo, intérprete de libras, esteve presente.

Nzambi comenta que além de tornar o espaço um ambiente inclusivo para pessoas com deficiência auditiva, ela também deseja que o trabalho dela possa inspirar pessoas ouvintes a aprenderem libras.

“A gente não sabe quando a gente pode perder a audição, a perna, a visão. Então, esse é um espaço de alertar mesmo as pessoas, sabe, de que elas têm que aprender libras”.

Baile da DJ $ophia: Confira a cobertura completa do que aconteceu no role
Nzambi Apongo interpretando libras no Baile da DJ $ophia (Foto: Victoria Madeira)

Conheça o Baile

O Baile da DJ $ophia nasceu com o objetivo de promover a representatividade da cena independente da cultura Hip Hop, e também para a juventude preta paulistana.

Com o foco no protagonismo feminino, Sophia fala sobre a importância de uma line composta majoritariamente por mulheres. A DJ comentou sobre o fato dos contratantes normalmente boicotarem a presença de artistas femininas e colocarem nos eventos apenas como uma “cota”.

“Fazer um evento de mina e fazer lotação, eu acho uma responsabilidade foda de estar cumprindo, além potencializar essas minas e mostrar que a gente tem público pra esgotar bilheteria e fazer filão. Os contratantes precisam entender que a gente não é só uma cota nos eventos deles ou nos festivais, mas a gente faz o nosso baile também. Acho que essa é a parada mais importante que hoje eu trago pro baile da DJ Sophia”.

Baile da DJ $ophia: Confira a cobertura completa do que aconteceu no role
DJ Sophia no Baile da DJ $ophia (Foto: Victoria Madeira)

Além de todas as atrações citadas durante a matéria, os DJs Moisés Pretinho, Iam Lopes, Tayan e Mu540, também estiveram presentes.

Confira como foi o último evento:

Tags relacionadas:

HERvolution

Rap

Musica

Funk